6.7.12

Protocolo

O meu peito vai explodir e já não há ar que o sustente. Tenho o ar a fluir das veias e o coração acelerado e louco. Isto não se rege pelo protocolo e nunca foi minha intenção quebrá-lo, garanto. As perguntas são retóricas. Não tenho respostas que se encaixem ao contexto do meu modo de vida, secreto. O melhor no invés será o pior. 

5.7.12

Truly


WS

"Há certas horas, em que não precisamos de uma paixão desmedida. Não queremos um beijo na boca. E nem corpos a se encontrar na maciez de uma cama. Há certas horas, quando sentimos que estamos para chorar, que desejamos uma presença amiga, a ouvir-nos pacientemente, a brincar connosco, a fazer-nos sorrir. Algés que se ria das nossas piadas sem graça. Que ache as nossas tristezas as maiores do mundo. Que nos teça de elogios sem fim. E que apesar de todas essas mentiras úteis, nos seja de uma sinceridade inquestionável. Que nos mande calar a boca ou evite um gesto impensado. Alguém que nos possa dizer: acho que estás errado, mas estou do teu lado. Ou alguém que apenas diga: Sou o teu amor. E estou aqui" 
William Shakespear 

3.7.12

14.07

Optimus Alive'12 Florence + The Machine 14 de julho

Avesso


Já é tarde, muito tarde para os conselhos da minha mãe. O quarto esconde-se na escuridão. O sono não explora o corpo e enquanto isso não sei o que hei-de pensar. Os lençóis rebolam e sobrepõem-se pelas pernas. A alma revolve-se do avesso. Sempre preferi ter um lado frio na cama para refrescar nas noites de verão.

Basic space


Mas não, também não é


"Está zangado por ser pequeno quando tu eras grande, mas não, não é isso, está zangado por ser indefeso quando eras poderoso, mas não, também não é isso, está zangado por ser contigente quando eras indispensável,  não é bem isso, está louco porque, quando te amou, não deste por isso" 
Donald Barthelme

2.7.12

Contornar


Chegamos ao culminar em que não sabemos conjugar vontades com oportunidades. Perdemos o jeito de esconder que dependemos um do outro. No entanto a arrogância encontra a liberdade nas palavras proferidas. Muito pouco se pode fazer depois. O arrependimento não contorna as más escolhas. 
-Podias estar aqui, disse ele. 

Um quinto

Um convite para voltar a encher o copo e já só falta um quinto da garrafa. As gargalhadas sobressaem em dois dedos de conversa. Já não se fala do tempo nem que se está a beber demais. Olhares conhecem olhares, mãos conhecem mãos. Recai um silêncio e uma incerteza em continuar. A bebida faz a escolha, o instinto acompanha e o prazer assalta. Lábios conhecem lábios e corpos conhecem corpos.