29.5.11

Here

Why you're here?

Poesia

Faz me acreditar que o amor existe e que é tão belo quanto a cor dos meu olhos ingénuos. Faz me acreditar que tu alguém és o meu alguém que me vai mudar o mundo. Rasga-me o meu peito com bravura e não quebres o meu coração com a tua partida. Leva-me a viver a ilusão onde há muito a realidade me assusta. Faz-me acreditar que os contos de fadas existem mas que o amor é bem melhor que isso. Faz de ti poeta e lança aos pássaros aquilo que te atormenta onde os versos são o espelho da tua alma.

Te sobrevive

Haverá sempre uma característica que me leva ai e te traz aqui. Uma pertença que caracteriza a minha escrita e a tua leitura. Um pormenor que te toca e em que te identificas. Algo que te domina e traz aqui. Algo que te preenche e faz voltar aqui. Um sentimento corrupto e degradante que me mata e te sobrevive que sobressai nas minhas frases soltas.  

27.5.11

Dar

Um beijo guardou tudo e partilhou tudo com essa tua alma pobre. Dei tudo o que à muito sustentava no meu coração. Agora é teu e faz dele o que quiseres, porque o amor é para se dar meu amor.

Adele

I don't know why I'm scared, I've been here before. Every feeling, every word. I've imagined it all, You'll never know if your never try, to forget your past and simply be mine.

Ballet

A leveza, a simplicidade e o romantismo do ballet.

16.5.11

Sky

Love me and take me to another place like a bird around the sky.

15.5.11

Cigarro

Beijo um cigarro como ele te suga a alma.

14.5.11

Futuro

Fazer as pazes com o futuro e brindar ao passado atenuante. Cumprimentar a brisa nova e esquecer o suor fatigado. Apaixonar-se com novo olhar.

13.5.11

Azul

Quem disse que o amor não era azul como o mar? Azul como a cor dos teus olhos? Azul como o céu do nosso oasis?

Rua da Baixa


Não me reconheço neste jeito apaixonante. Só desejo um abraço que quebre com a minha fragilidade feminista. Só queria descer a rua da baixa de mão dada com aquele que não me esconde um sorriso. Na verdade queria apenas a delicadeza das palavras dele envolvidas num beijo.
O verdadeiro rapaz é aquele que não precisa de desabotoar a camisa à rapariga para lhe ver o coração.

8.5.11

shot

Cor é vida, cor é o nosso amor. Cor é a bebida que me adultera a vista e nos deixa amigos coloridos entre uma bebedeira e um estado de lividez. Mais um shot?

Escuros

O que procuram esses olhos curiosos? O que quer dizer esse olhar enigmático? Porque razão brilha os teus olhos? Porquê é que escondes estes mistérios por detrás desses teus óculos escuros?

7.5.11

Romeu e julieta




"Se a minha mão indigna, profana o teu santo reliqário os meus lábios rubros peregrinos estão prontos a como  a leve expiração do meu amor suavizar esse rude contacto com um leve beijo"

Sou

Se não sabes onde moro é simples, moro no teu coração desde o primeiro dia em que te vi. Se não sabes o meu nome podes-me tratar por amor. Se não sabes quem sou, sou quem um dia esqueceste.