5.8.10

Horóscopo


Uso o horóscopo com prudência. Sei que é extremamente improvável que sejam verdadeiros, mas sigo-os, para a eventualidade de o serem. É estranho. Tecnicamente incerto. Racionalmente não lógico. Cientificamente não cientifico. Credível só para quem quer. Já houve tempos que houve coincidências. Mas a mim ninguém me faz querer que é as órbitas dos astros que ditam o sucesso ou o inverso do meu hardware ou software humano. Até lá, continuo a comprar a revista e a passar os olhos pelas ditas colunas.

8 comentários:

  1. nao precisamos de dizer muito, ha palavras que dizem tudo e sao tao simples. o amor é mesmo assim :D bjinho e obrigado

    ResponderEliminar
  2. olhamos sempre para reparar no que dizem mesmo que nunca aconteça tal coisa <3

    ResponderEliminar
  3. ahah obrigado.
    sim, ´´e para o anónimo -.-

    ResponderEliminar
  4. adorei completamente!
    ainda bem que gostas-te ! o selo oficial do blog também é para ti :)
    vou seguir querida *

    ResponderEliminar
  5. Obrigada :)
    Também acredito no horóscopo e curiosamente ele já tem tido razão no que toca ao meu signo.

    ResponderEliminar
  6. Ás vezes diz algumas verdades, mas não me acredito muito nisso :C
    Oh * foste mesmo fofinha, obrigada :)

    ResponderEliminar
  7. faço sempre o mesmo! :)
    adoro o teu blog, vou seguir! beijinho*

    ResponderEliminar
  8. Nós somos o nosso horóscopo, traçamos o nosso destino, procuramos ou Desperdiçamos a sorte...;)

    ResponderEliminar

Deixa o teu primeiro impulso deslizar pelos os dedos.